music_note

Notícias

Mariah Carey causa polêmica com frases como, ”a pobreza é um fracasso pessoal” e que ”votar é uma forma de homenagear nossos ancestrais”

today2020-10-08

Background
share close

[vc_row][vc_column][vc_row_inner qt_container=”true”][vc_column_inner][vc_column_text css=”.vc_custom_1582161561532{margin-bottom: 0px !important;}”]

PUBLICIDADE

[/vc_column_text][vc_raw_html]JTNDc2NyaXB0JTIwYXN5bmMlMjBzcmMlM0QlMjJodHRwcyUzQSUyRiUyRnBhZ2VhZDIuZ29vZ2xlc3luZGljYXRpb24uY29tJTJGcGFnZWFkJTJGanMlMkZhZHNieWdvb2dsZS5qcyUyMiUzRSUzQyUyRnNjcmlwdCUzRSUwQSUzQyUyMS0tJTIwQW51bmNpby1wb3N0cy03NTB4MjgwJTIwLS0lM0UlMEElM0NpbnMlMjBjbGFzcyUzRCUyMmFkc2J5Z29vZ2xlJTIyJTBBJTIwJTIwJTIwJTIwJTIwc3R5bGUlM0QlMjJkaXNwbGF5JTNBaW5saW5lLWJsb2NrJTNCd2lkdGglM0E3NTBweCUzQmhlaWdodCUzQTI1MHB4JTIyJTBBJTIwJTIwJTIwJTIwJTIwZGF0YS1hZC1jbGllbnQlM0QlMjJjYS1wdWItMjk2OTU0NTUzMjk3ODMyMSUyMiUwQSUyMCUyMCUyMCUyMCUyMGRhdGEtYWQtc2xvdCUzRCUyMjc4MDg3NjcwNTYlMjIlM0UlM0MlMkZpbnMlM0UlMEElM0NzY3JpcHQlM0UlMEElMjAlMjAlMjAlMjAlMjAlMjhhZHNieWdvb2dsZSUyMCUzRCUyMHdpbmRvdy5hZHNieWdvb2dsZSUyMCU3QyU3QyUyMCU1QiU1RCUyOS5wdXNoJTI4JTdCJTdEJTI5JTNCJTBBJTNDJTJGc2NyaXB0JTNF[/vc_raw_html][/vc_column_inner][/vc_row_inner][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_empty_space height=”20px”][vc_row_inner qt_container=”true”][vc_column_inner][vc_single_image image=”24707″ img_size=”large” alignment=”center”][vc_empty_space height=”10px”][vc_column_text]A cantora e atriz Mariah Carey levantou uma polêmica em uma entrevista que foi realizada pela revista V Magazine, dizendo que ”a pobreza é um fracasso pessoal” e que ”votar é uma forma de homenagear nosso ancestrais.”
A revista V Magazine está realizando um artigo com 127 personalidades chamado de ”Líderes de pensamento, V127”, que está disponível para pré-encomenda no site da revista.

Na entrevista com a cantora, ela também aborda assuntos como: Política de identidade, Black Lives Matter e acesso à saúde.

Leia alguns trechos da sua fala na entrevista:

“Votar é muito importante porque é uma forma de nos mostrarmos para nós mesmos e nossas comunidades. É uma oportunidade para homenagear nossos ancestrais – aqueles que não puderam votar por causa do racismo e sexismo – e eleger pessoas que podemos responsabilizar. Tenho muito orgulho dos jovens que estão se organizando, principalmente os negros, que estão liderando este movimento. Tudo parece tão desesperador, mas quando vejo o poder organizador e as pessoas que estão liderando este movimento, fico esperançoso porque este é o futuro do nosso mundo.

“Uma das razões pelas quais escrevi minhas memórias foi para ’emancipar’ minha identidade racial – ela tem sido uma fonte de mal-entendidos e dor quase debilitante. Não havia ‘uma maneira’ de falar sobre isso. É muito complexo. Não se trata apenas de preto e branco – o que nunca é apenas preto e branco. Para mim, também tem a ver com classe e abandono. A política de identidade é tão pessoal e difundida – não é apenas a sua aparência, mas sobre como você é capaz de – ou incapaz de – mover-se pelo mundo. Cresci como um estranho, mas ainda há muitas pessoas que procuram um espaço que as aceite e honre como são. A ampliação do movimento pela justiça racial, com o apoio de um mosaico de origens e identidades, já era necessária.

“Fomos socializados para acreditar que a pobreza é um fracasso pessoal, e não nossos sistemas. Minha educação não foi convencional, para dizer o mínimo. Tínhamos pouca estrutura e pouco dinheiro, e pouco apoio social para nos sentirmos aterrados. Há momentos em que não consigo acreditar que era uma garotinha que morava em barracos, que sempre se sentiu insegura, pouco cuidada, solitária e perpetuamente assustada. Há uma vilanização daqueles que têm necessidades não atendidas, seja o acesso a cuidados de saúde (incluindo cuidados de saúde mental), ajuda financeira, moradia acessível, sem falar da oportunidade de rir e encontrar alegria além do trabalho.[/vc_column_text][/vc_column_inner][/vc_row_inner][vc_empty_space height=”20px”][vc_row_inner qt_container=”true”][vc_column_inner]

Leia mais em:V Magazine

[vc_single_image image=”24705″ onclick=”custom_link” img_link_target=”_blank” link=”https://vmagazine.com/article/the-thought-leaders-issue-mariah-carey/”][/vc_column_inner][/vc_row_inner][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_empty_space height=”20px”][vc_row_inner qt_container=”true”][vc_column_inner width=”1/2″][vc_facebook][/vc_column_inner][vc_column_inner width=”1/2″][vc_tweetmeme type=”follow” follow_user=”radioclickmix” follow_show_username=””][/vc_column_inner][/vc_row_inner][/vc_column][/vc_row][vc_row][vc_column][vc_empty_space height=”20px”][vc_row_inner qt_container=”true”][vc_column_inner][vc_column_text css=”.vc_custom_1582079900797{margin-bottom: 0px !important;}”]

PUBLICIDADE

[/vc_column_text][vc_raw_html]JTNDc2NyaXB0JTIwYXN5bmMlMjBzcmMlM0QlMjJodHRwcyUzQSUyRiUyRnBhZ2VhZDIuZ29vZ2xlc3luZGljYXRpb24uY29tJTJGcGFnZWFkJTJGanMlMkZhZHNieWdvb2dsZS5qcyUyMiUzRSUzQyUyRnNjcmlwdCUzRSUwQSUzQyUyMS0tJTIwQW51bmNpby1wb3N0cy03NTB4MjgwJTIwLS0lM0UlMEElM0NpbnMlMjBjbGFzcyUzRCUyMmFkc2J5Z29vZ2xlJTIyJTBBJTIwJTIwJTIwJTIwJTIwc3R5bGUlM0QlMjJkaXNwbGF5JTNBaW5saW5lLWJsb2NrJTNCd2lkdGglM0E3NTBweCUzQmhlaWdodCUzQTI1MHB4JTIyJTBBJTIwJTIwJTIwJTIwJTIwZGF0YS1hZC1jbGllbnQlM0QlMjJjYS1wdWItMjk2OTU0NTUzMjk3ODMyMSUyMiUwQSUyMCUyMCUyMCUyMCUyMGRhdGEtYWQtc2xvdCUzRCUyMjc4MDg3NjcwNTYlMjIlM0UlM0MlMkZpbnMlM0UlMEElM0NzY3JpcHQlM0UlMEElMjAlMjAlMjAlMjAlMjAlMjhhZHNieWdvb2dsZSUyMCUzRCUyMHdpbmRvdy5hZHNieWdvb2dsZSUyMCU3QyU3QyUyMCU1QiU1RCUyOS5wdXNoJTI4JTdCJTdEJTI5JTNCJTBBJTNDJTJGc2NyaXB0JTNF[/vc_raw_html][vc_empty_space height=”20px”][/vc_column_inner][/vc_row_inner][/vc_column][/vc_row]

Written by: RadioClickMix

Rate it

Previous post

Post comments (0)

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

0%